M&S
ITA
ENG
FRA
ESP
POR
RUS
 


Moagem

Peneiramento

Para Sal

Para Colas

Coloração a Seco

Moagem a Seco para Ceramica

Gres Porcellanato

Ceramica Vermelha

Micronização de Materiais Duros

Recuperação Dos Descartes Cerâmicos

Moagem De Carvão

Bagaço De Azeitona

Barita

Peneiramento Do Açúcar

 

 

 

 

 

 

 

 

  PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL - CLORETO DE SÓDIO
Pdf
Video


Salt Processing plants

A Manfredini & Schianchi põe à disposição dos investidores nacionais e internacionais a sua experiência amadurecida em anos de trabalho neste setor, com uma proposta completa de tecnologia e equipamentos para o tratamento do sal marinho e sal-gema em todas as fases de beneficiamento:

1.Lavagem
2.Centrifugação
3.Moagem
4.Secagem
5.Selecionadora mecânica
6.Selecionadora óptica
7.Ensacagem
8.Empacotamento
9.Paletização
10.Expedição

Os referidos processos de beneficiamento e transformação são feitos com várias aparelhagens e máquinas, capazes de fornecer um produto isento de impurezas e com um ciclo de beneficiamento totalmente automático.

Impianti per sale

Nas próximas páginas também será apresentado o balanço econômico do investimento, caracterizado pelo alto valor agregado que se consegue obter nos produtos acabados.

Informações gerais

Uma planta projetada para a realização de todas as etapas de beneficiamento e transformação acima indicadas apresenta as seguintes características:

  • Potencialidade de 30 ton/h de sal lavado e de 15 ton/h de sal seco.
  • Uma área global de 13.000 m2 dos quais 2.400 m2 cobertos.

Na área coberta serão instaladas as máquinas para a secagem, peneiramento, empacotamento e paletização; além disso, nela será armazenado o produto paletizado seco, ao passo que na área descoberta será instalada a planta de lavagem, colocado o sal bruto a ser beneficiado, os tanques para a decantação da água e o armazém do produto ensacado e paletizado não seco.

Produzione e Trattamento sale

É prevista a área para uma cabine de transformação, de 600 KVA de potência, e para um grupo eletrogêneo de 150 KVA de potência para suprir a planta no caso de falta de energia elétrica.

Impianti per sale

Além disso, para o funcionamento do secador de leito fluido, seria mais conveniente e econômico alimentar a planta com gás metano (nos países onde o diesel é mais caro).
Descrevemos a seguir, em forma breve, os processos de beneficiamento acima indicados:

Lavagem

É o processo mais importante de todo o ciclo porque, durante esta lavagem, o sal perde todas as impurezas e tem-se a dissolução de determinados cloretos que precipitam durante a etapa de salinação. Todo o processo ocorre introduzindo automaticamente o sal a ser beneficiado em uma cuba de lavagem previamente enchida com água saturada.

Lavaggio sale

Nesta cuba, o sal libera-se de todas as suas impurezas superficiais que, por serem leves, passam em suspensão e vão para os tanques de decantação; com o auxílio de eletrobombas de potência e altura útil adequadas, é aspirada uma mistura de 50% de água-sal que é enviada para a centrífuga.

Centrifugação

Centrifuga Ferrum

Ferrum Centrifuges

Este processo é realizado com hidroextratores de carga contínua que trabalham com velocidade de 900 rpm e que exercem a função de expelir toda a água contida no sal, reduzindo a umidade do produto a um valor aproximado de 4%.

Krauss-Maffei Pusher Centrifuges SZ

Krauss-Maffei Pusher Centrifuges SZ

Krauss-Maffei Pusher Centrifuges SZ

A mistura de água e sal proveniente da cuba de lavagem é enviada, por meio de eletrobombas, para os referidos extratores que, tirando proveito da força centrífuga, extraem a água que retorna à cuba de lavagem; obtém-se, assim, um sal com umidade relativa muito baixa, pronto para ser triturado ou moído.

Moagem

É uma etapa do beneficiamento não determinante, porém necessária para satisfazer as demandas do mercado referentes ao setor do sal de granulometria fina.

PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL

Este último pode ser obtido através da passagem por uma série de moinhos que recebem o sal na saída da centrífuga e reduzem o seu tamanho, de maneira a obter uma granulometria fina para o sal refinado de cozinha, o sal triturado para a indústria e para o setor dos curtumes.

Secagem

Esta etapa do beneficiamento é feita em secadores do tipo rotativo ou de leito fluido, com a finalidade de reduzir a umidade do sal de 4% a 0,2%.

Nestes fornos, o sal é atingido por uma corrente de ar previamente aquecido e é secado a uma temperatura de 200°C.

Seleção mecânica

Este momento do beneficiamento é feito com peneiras vibratórias de capacidade adequada de peneiramento-vibração, servindo para preparar as diferentes granulometrias do sal obtidas após a moagem e secagem.

 

PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL

As peneiras são compostas por 4 superfícies de separação para obter os seguintes tipos de sal:

  • Sal seco grosso
  • Sal seco médio
  • Sal seco fino

O sal obtido com este processo, nas diferentes granulometrias, é enviado aos vários silos enquanto espera para ser empacotado ou ensacado.

Seleção óptica

O cloreto de sódio in natura encontra-se na forma de sal mineral (sal-gema) ou dissolvido na água do mar juntamente com outros sais. Portanto, o sal pode ser obtido industrialmente através de explorações minerárias ou mediante evaporação da água do mar.

Todavia, com ambos os métodos permanece uma determinada quantidade de impurezas no sal, devido à presença de resíduos de rochas hospedeiras ou do cascalho do fundo das salinas. É evidente que estas impurezas afetam a qualidade do sal e, conseqüentemente, o seu valor de mercado.

 

PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL

As selecionadoras óptico-eletrônicas constituem um instrumento eficaz para eliminar estas impurezas.
Trabalhando com frações granulométricas preestabelecidas (de 3 a 20 mm, mas é preferível escolher duas frações que serão selecionadas separadamente na mesma máquina), totalmente controladas por microprocessadores, as selecionadoras estão providas de uma função de autodiagnóstico contínuo para manter constantes as condições de calibração programadas, com a possibilidade de memorizar programas em função das várias exigências produtivas.

Ensacagem

O mercado industrial utiliza o produto em sacos de 50 kg e de 25 kg.

PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL

Utilizando as ensacadoras automáticas, capazes de acondicionar 800 sacos/hora, procede-se ao ensacamento dos seguintes tipos de sal:

  • Sal bruto em sacos de 50 kg.
  • Sal lavado em sacos de 25 kg.
  • Sal integral em sacos de 25 kg.
  • Sal seco grosso em sacos de 25 kg.
  • Sal seco médio em sacos de 25 kg.
  • Sal seco fino em sacos de 25 kg.

Empacotamento

Nesta etapa do beneficiamento realiza-se uma operação muito importante porque se retira o sal seco dos silos de repouso e, utilizando máquinas automáticas de acondicionamento com potencialidade de 200-300 pacotes por minuto, o sal é empacotado e, em seguida, introduzido no mercado para uso alimentar.
Do tipo de embalagem, da imagem da caixa, da granulometria uniforme, do esplendor e do brilho do produto, e da ausência de corpos estranhos depende a comerciabilidade mais ou menos eficaz do produto.

Paletização

Na era da mecanização é fundamental, em uma indústria eficiente, a presença de uma linha de paletização e enfaixamento que permita formar pallets de 1 tonelada de peso, sobre plataformas de madeira sem devolução, para poder realizar uma expedição bastante segura e fazer o produto chegar ao destino sem sacos nem pacotes rasgados e, portanto, com perda do produto e graves prejuízos econômicos.

 

PLANTAS PARA O TRATAMENTO DE SAL MARINHO E MINERAL

Além disso, não se pode pensar em expedir um produto sem que ele seja paletizado, já que a descarga das mercadorias é feita hoje exclusivamente com empilhadeiras.

Setores de emprego do sal beneficiado

Tipo
Aplicação
Volume Kg
Embalagem
Tendência do mercado
Sal industrial
Rodovias no inverno
50
Sacos de polietileno
Grandes quantidades
Sal integral
Sal de mesa
1
Sacos de polietileno alimentar
Aumento constante da demanda
Indústria alimentar, química, curtumes
20-50
Sacos de polietileno
Dependendo da situação industrial
Sal fino em sacos grandes
Abrandamento de água, alimentação de animais
1500
Sacos grandes
Demanda constante
2 - 3
Pastilhas
25
Sacos grandes
Sal grosso/fino
Sal de mesa
1
Papelão alimentar
Demanda clássica
Sal grosso/médio/fino
Indústria alimentar, química, curtumes
25
Sacos
Demanda constante na indústria alimentar
1500
Sacos grandes
Sal iodado Saúde 1 Caixas Clientes selecionados
Sal em saleiros Sal de mesa 0,1 Saleiro de plástico Restaurantes, supermercados
Sal em sachês Setor dos transportes, restaurantes 0,002 Sachês Demanda para refeições de viajantes

 

Os dados fornecidos são indicativos e podem ser alterados sem aviso prévio

 

 


Via G.M. Dallari, 2 - 41049 Sassuolo (MO) - Italy
Tel. +39-0536-801207 Fax: +39-0536-807248
Email: sales@ms-plants.it